Características de um investidor conservador

Conservador: segurança acima de tudo

Definir nosso perfil como investidor é realmente um desafio. Isso ocorre porque esse perfil pode variar de acordo com múltiplos fatores, e por vezes conflitantes.

Por exemplo, você pode ter um perfil arrojado para rentabilizar uma pequena parte do seu capital colocada a risco e, ao mesmo tempo, ser bastante conservador em relação à sua aposentadoria.

Você pode ser conservador desde sempre ou poderá paulatinamente se transformar em alguém de perfil conservador com o avanço da idade.

O investidor que possui esse perfil prioriza a segurança. Ele não quer arriscar seu capital ou seu patrimônio, mesmo que isso signifique obter uma rentabilidade menor.

O perfil conservador não pode ou não deseja que seu capital sofra perdas de qualquer natureza. E quando, em alguns casos, decide colocar uma pequena parte de seu capital em aplicações um pouco mais arriscadas, prefere comprar instrumentos financeiros que protejam aquele capital contra riscos sistêmicos (problemas na economia, por exemplo).

Embora não exista nada nesse mundo absolutamente isento de risco – viver já é em si um risco – o investidor de perfil conservador procura reduzi-lo ao máximo, investindo quase exclusivamente em produtos financeiros adequados ao seu perfil.

Assim, aplicações em renda fixa estão entre as favoritas para pessoas conservadoras. Lembrando que algumas dessas aplicações possuem prazo definido de resgate e o investidor deverá levar isso em consideração na hora de construir seu portfólio de investimento.

Entre as aplicações mais adequadas para o perfil conservador, temos:

Finalize seu cadastro para ter acesso a este e outros conteúdos do Portal do Investimento!

Começar Agora

Teste seu aprendizado

NÃO é um investimento apropriado para pessoas de perfil conservador:
menu