1º milhão: foco e disciplina, a dupla infalível

Devagar se vai ao longe, mas só se tiver foco e disciplina

Ficar rico dá trabalho. Viver dá trabalho! Se quisermos alcançar os resultados que a maioria não alcança, deveremos fazer o que a maioria não faz. E isso, certamente, dá trabalho.

Ficar anotando dezenas de números em planilhas não é uma atividade prazerosa para a imensa maioria das pessoas. Tampouco usar seu final de semana para fazer um curso, ler um livro ou realizar simulações de investimentos – melhor mesmo é ficar na praia ou no campo com nossos amigos e nos divertirmos.

Todo sucesso tem um preço – e esse preço não é baixo. É preciso foco e disciplina.

Para muitas pessoas, a disciplina está associada com algum sofrimento ou pelo menos desconforto. Não é à toa que costumamos associar o termo "medidas disciplinadoras" com a correção de erros através de alguma espécie de punição.

No entanto, na realidade, ela pode ser um pouco desconfortável no começo. Afinal, nos tira da zona de conforto e nos obriga à concentração e ao trabalho. Mas, quando temos um objetivo muito claro em nossa mente, a disciplina acaba se tornando prazerosa.

Ao fazer as coisas com disciplina, você começa a ver sentido e lógica no que está fazendo ou realizando. Depois de algum tempo, começam a aparecer os primeiros resultados – pequenos ainda, mas aparecem. E isso nos motiva a trabalhar mais em direção ao nosso propósito. Quanto mais disciplina e foco, mais resultados.

Chegamos então a um ponto em que a disciplina se tornou um hábito. Seremos disciplinados de forma quase automática. Nesse momento, ela terá se incorporado em nossas vidas e isso terá implicações em todos os aspectos da nossa existência: desde os cuidados que temos com nossas coisas pessoais até na busca de grandes metas.

Se ainda não temos uma grande disciplina, o primeiro passo é adquirir consciência de sua necessidade. Para se transformar em um investidor de sucesso, alcançar seu primeiro milhão ou formar um patrimônio que proporcione renda passiva, é preciso ter a consciência de tudo o que é necessário fazer para se chegar lá.

Quando olhamos para a nossa conta bancária devedora, nosso cartão de crédito no limite ou nos encontramos com ex-colegas de escola aparentando riqueza e sucesso, que nos dispara o desejo de fazer alguma coisa.

O problema é que esse ímpeto inicial passa rapidamente e tendemos a nos conformar e voltar para a nossa zona de conforto. Apenas ter força de vontade não basta. É preciso, como dissemos, tomar consciência de que devemos fazer algo. Ter um objetivo maior em mente, um propósito, um significado.

Depois disso, é preciso criar um ambiente que favoreça a disciplina. Se você quer ser rico, comece a se rodear de pessoas, eventos, redes sociais, notícias e tudo o mais que estiver relacionado ao mundo que você almeja. Isso fará você lembrar constantemente de seu propósito, mantendo-o motivado.

Corte quaisquer distrações que não o conduzam ao seu propósito.

Procure também mudar a forma como irá encarar seus erros de percurso. Acredite, todos aqueles que alcançaram sucesso cometeram muito mais erros do que acertos no começo. A diferença entre eles e os que falharam é que eles não desistiram. Pelo contrário, procuraram entender onde erraram e aprender com esses erros.

E finalmente, persista. Siga seu plano rumo àquilo que está buscando e mantenha-se nele. Não se afaste por nenhum pretexto. Você poderá até revisá-lo, melhorá-lo, reformá-lo, mas desistir, jamais!

Com foco, ou seja, concentrando-se nos seus objetivos e não se distraindo pelo caminho, e disciplina, você será capaz de conquistar muito mais do que imagina.

Encontre as melhores maneiras de conquistar seus objetivos de investimentos. Junte-se ao Portal do Investimento!

Finalize seu cadastro para ter acesso a este e outros conteúdos do Portal do Investimento!

Começar Agora

Teste seu aprendizado

Disciplina é uma questão de:
menu