O que são Fundos de Investimento e como escolher?

A união faz a força

Até agora, ao longo das nossas aulas, vimos que há uma importante correlação entre risco e retorno e como isso se relaciona ao seu perfil de investidor.

Vimos também que existem diversos tipos de investimentos de acordo com o tipo de retorno e desempenho que se quer obter. Todos eles podem ser classificados basicamente entre aplicações em ativos e produtos de renda fixa e renda variável.

Saber como escolher entre todos esses tipos pode ser um pouco trabalhoso, mas o esforço vale a pena. Você terá que estudar diversos ativos de modo a conhecer cada um deles em profundidade e saber como fazer uma seleção que se adeque aos seus objetivos de longo prazo.

Após escolher onde fazer sua alocação, você deverá acompanhar o andamento de sua carteira, fazendo os reajustes necessários de acordo com as eventuais mudanças no mercado, na economia e na própria evolução da sua carteira. Também poderá ter que pagar taxas e impostos a cada mudança de ativo em seu portfólio de investimentos.

Sim, isso tudo pode parecer um pouco trabalhoso e, por essa razão, muitos investidores preferem buscar investimentos mais simples para não ter que dedicar muito tempo a cuidar de tudo isso.

Pensando nisso, o mercado busca constantemente desenvolver novos produtos financeiros para atender às necessidades de todos os investidores.

Entre os diferentes produtos disponíveis e as diversas formas de se investir, talvez uma das mais conhecidas seja através dos Fundos de Investimento. Por intermédio deles, podemos ter acesso indireto a diversas classes e tipos de ativos.

Eles nada mais são do que a reunião do capital de diversas pessoas para que, coletivamente, sejam capazes de alocar aquele dinheiro em um ou mais ativos, dando a seus cotistas a possibilidade de diversificar seu investimento ou mesmo de ter acesso a um ativo que, individualmente, não poderiam – ou desejariam – acessar.

Por exemplo, um Fundo de Ações pode adquirir uma grande quantidade de Ações de dezenas de empresas e dividir essa aquisição entre milhares de cotistas que, individualmente, não teriam capital disponível para tanto ou, ainda que tivessem, não seria interessante alocar uma quantidade tão grande de dinheiro em uma única classe de ativos.

Ou um Fundo de Investimento Imobiliário, que pode adquirir um prédio inteiro e distribuir o rendimento com aluguéis entre seus cotistas, o que talvez não estivesse ao alcance – ou fosse do interesse – de um investidor individual.

Um Fundo de Investimento é administrado por gestores profissionais qualificados, que buscam tomar sempre as melhores decisões sobre como os ativos do Fundo devem ser aplicados.

Como existem inúmeras pessoas alocando seu dinheiro em busca de objetivos específicos, foram então criados diversos tipos de Fundos para atender a múltiplos objetivos e perfis de investidor. Assim, poderemos encontrar desde Fundos bastante conservadores, que aplicam o dinheiro exclusivamente em títulos de renda fixa, até Fundos muito arriscados, que fazem uma alocação significativa em renda variável. E, entre esses extremos, há toda uma gama de Fundos que procuram atender as especificidades de seus investidores.

Como os investidores cotistas de um Fundo não tomam decisões sobre como os ativos de do Fundo serão administrados, eles simplesmente escolhem o Fundo de sua preferência com base em seus objetivos, riscos, taxas e outros fatores.

Para auxiliar nessa escolha, os gestores de Fundos disponibilizam prospectos que apresentam todos os detalhes necessários para que o investidor possa tomar sua decisão de investimento.

É com a leitura desses prospectos somada aos conhecimentos que o investidor possui sobre todos os aspectos envolvidos na tomada de decisão sobre investimentos que ele será capaz de montar um portfólio de investimento que atenda com bastante precisão seus objetivos de rentabilidade aliados a seu perfil de risco.

Esses temas serão abordados em mais detalhes na próxima aula.

Descubra os melhores objetivos para seu perfil. Faça parte do Portal do Investimento!

Finalize seu cadastro para ter acesso a este e outros conteúdos do Portal do Investimento!

Começar Agora

Teste seu aprendizado

NÃO são tipos de Fundos de Investimento:
menu