Como vou me aposentar antes dos 40

No fim do dia, tudo o que buscamos é a liberdade. Você passou pela pressão de ter que escolher uma profissão antes dos 20, a busca por um emprego ou projeto que possa te proporcionar um padrão de vida confortável e, ainda assim precisa se preocupar em acumular capital para chegar na aposentadoria com um patrimônio que te dará tranquilidade, certo?

Comigo não é diferente e desde cedo, busco alternativas que possam encurtar todo esse processo. O mercado financeiro sem dúvidas é um ambiente incrível que está disponível a todos nós para isso. Antes que você pense que vamos falar sobre planos de previdência privada, saiba que acho bem interessante sim, mas as ferramentas que uso são outras.

Em mercados mais maduros como o dos Estados Unidos, aproximadamente metade da população investe todos os meses em bons ativos geradores de renda. Jeremy Siegel, professor da Wharton School, uma das escolas de finanças mais conceituadas do mundo, comenta a fundo sobre a importância deste método durante toda a vida no seu livro ‘’Investindo em ações para o longo prazo’’.

Com a economia saudável do país, a taxa de juros tende a ser baixa e o investidor precisa buscar alternativas no mercado de renda variável. Por mais que isso assuste muito brasileiro, o Professor mostra que com prazos acima de 20 anos, o risco diminui drasticamente, principalmente se pensarmos no fluxo de dividendos que o investidor recebe durante todo o período.

Além disso, quando comparado com outros ativos, as ações possuem maior rentabilidade. Veja na imagem abaixo a performance histórica do mercado americano desde 1802:

Fonte: Investindo em ações para o longo prazo - Jeremy Siegel

Por mais que eu me sinta bem confortável na compra de ações, acho fundamental diversificar em outras classes de ativos, mas com o mesmo pensamento de longo prazo.

Veja aqui os tópicos que me farão aposentar antes dos 40:

1 . Comprar ações de boas empresas

Quando compro ações de empresas de alta qualidade, não me preocupo com as oscilações de curto prazo na cotação. O objetivo aqui é ser sócio e receber dividendos. Semestralmente acompanho os números e indicadores das empresas para verificar resultados e ter a convicção que ainda vale a pena investir naquela companhia.

Nada de abrir o home broker todos os dias e se estressar com quedas. É uma metodologia tranquila, pode acreditar!

2. Alocação em fundos imobiliários

Essa é com certeza a classe de ativos que eu mais gosto. A possibilidade de ser proprietário de imóveis de alta qualidade, podendo começar a investir com apenas R$5,00 e receber aluguel todos os meses é realmente fantástico.

Os pontos que me atento periodicamente são em relação ao vencimento dos contratos e diversificação do portfólio de cada fundo. Estando dentro dos meus parâmetros de segurança, tudo certo.

O provento mensal dá a oportunidade de escolha para comprar mais cotas daquele fundo, ou até mesmo, outros ativos.

3. Reserva para emergência e oportunidade

Aplicar parte da carteira em renda fixa é com certeza uma decisão bem estratégica por 2 motivos:

Oportunidade: o mercado oscila entre momentos de alta e queda. Nada melhor que ter um capital disponível para realizar compras a preços mais baixos. Imagina ver bons ativos com desconto de 30% e não poder comprar...

Imprevistos: essa é uma coisa que foge completamente de nosso controle. O que um investidor de longo prazo menos precisa é ter que se desfazer de ativos para cobrir alguma emergência do dia a dia. Por isso, é fundamental possuir uma reserva.

Você tem em mente o valor ideal que te possibilita viver de renda? Esse valor é a representação de sua liberdade e a ideia é alcançar o quanto antes.

Quanto maior for o seu aporte mensal, investir religiosamente todos os meses e ser disciplinado com custos pessoais, mais cedo chegará ao tal valor ideal. O maior arrependimento de todo investidor é sem dúvidas não ter começado antes e sendo assim, por que não aproveitar essa oportunidade agora?

Curiosidade: bons ativos geradores de renda são tão badalados lá fora que existem até fundos de índice baseados em carteira de empresas que mais pagam dividendos.
O "Dividend Aristocrats (ticker: NOBL)" possui a composição de ações que pagaram dividendos crescentes consecutivamente nos últimos 25 anos.

Veja o gráfico do ativo:

Na composição da carteira, podemos encontrar empresas bem conhecidas no mundo todo como: Walmart, P&G, 3M, Johnson & Johnson, entre outras.

Encontre as melhores maneiras de conquistar seus objetivos de investimentos. Junte-se ao Portal do Investimento!